fbpx

Investimentos

5 passos para começares a investir em imobiliário

“O imobiliário é o meu tipo de investimento de eleição. Além de ser um ativo no qual me sinto confortável em investir o meu dinheiro, pela sua estabilidade e também pela minha filosofia de investimento – que explico no passo 2 – acredito que é relativamente fácil fazer dinheiro a investir em imobiliário e difícil perder. Embora não seja tão líquido como outros investimentos, uma vez que o dinheiro está de facto “empatado” numa propriedade, dá-nos um retorno muito significativo se seguirmos os 5 passos que descrevo em baixo:”

Shape

Com mais de 18 anos de experiência na área da Compra e Venda de Casas ou apartamentos e dos investimentos imobiliários, Sérgio Gave Fraga poderá acompanhá-lo (a) na compra ou venda da sua casa ou apartamento. Estamos ao seu dispor para qualquer vertente em processos de bens imobiliários!

Passo 1: Estudar

Este passo implica leres não apenas sobre como avaliar imóveis no geral, como também falares com profissionais da área, para compreendermos de facto a dinâmica do mercado em específico onde queremos investir. 

Passo 2: Decidir em que mercado apostar

Este passo pode ser dividido em 3 alíneas, que implicam decisões ao nível de:

– Localização do imóvel: em que zona te queres focar? Cidades grandes ou pequenas? Centro da cidade ou arredores?

– Objetivo: queres investir para arrendamento de longa duração? Alojamento local? Ou comprares um apartamento velho para restaurar e depois vender?

– Tipo de casa: Estúdio pequeno, T2 ou uma casa grande?

É muito importante que haja consistência nestas 3 decisões. No meu caso, a minha filosofia de investimento baseia-se em investir no centro das cidades, uma vez que acredito que a procura irá aumentar nos próximos anos, como tem vindo a acontecer nos anos passados. O meu objetivo é aluguer de curta duração e por isso fez todo o sentido que o meu primeiro investimento imobiliário fosse um estúdio pequeno no centro da cidade. Assim, por exemplo, se o teu objetivo é arrendamento de longa duração, se calhar não é tão relevante centrares a tua procura no centro da cidade uma vez que podes encontrar apartamentos muito mais baratos fora do centro da cidade.

É importante pensarmos no investimento como um todo, nunca esquecendo que a localização, o objetivo e tipo de casa devem estar absolutamente interligados.

Passo 3 – Fazer contas

É importante seres realista e anotares todos os custos que esperas ter ao investires em imobiliário, em particular sem esquecer o custo de ter a casa vazia durante um determinado período de tempo e o custo da manutenção da casa, que deverás assumir como 1% anual do custo do teu imóvel. Deverás tentar obter um rendimento líquido de, pelo menos, 5% anual. Tendo os 5% de retorno anual como mínimo, poderás perceber qual o valor máximo que deverás investir no imóvel.

Aconselho fortemente que invistas num mercado que conheces bem. Fazer contas é muito importante, mas o nosso conhecimento sobre as zonas é crucial. Lembra-te que as tuas contas vão depender de uma série de pressupostos que podem não ser exatos ou alterar-se ao longo do tempo, nomeadamente as rendas numa determinada zona podem variar. Por isso, conhecer por dentro o mercado pode ajudar-te a tomar decisões mais acertadas.

Deverás também falar com o teu Banco, caso necessites, de forma a perceberes com exatidão as condições que terás no teu empréstimo bancário.

Passo 4 – Visitar imóveis

Ao contrário do que muitas vezes acreditamos, ver mais casas não é necessariamente melhor. Se tivermos a nossa estratégia bem definida não é necessário visitar muitos imóveis para tomarmos a nossa decisão. Só deverá haver um número restrito de casas que cumpram com os critérios definidos no passo 2 e com o teto monetário, ou seja, o valor máximo que estamos dispostas a investir, definido no passo 3. Se houver muitas casas disponíveis para visitar que cumpram os teus critérios, repensa a tua estratégia e sê mais específica.

Passo 5 – Comprar o imóvel

Depois encontrado o imóvel que nos garanta, de acordo com as nossas contas, um rendimento líquido superior a 5%, chegou a altura de efetuar a compra. Embora haja opiniões distintas sobre o tema, eu acredito que deverás usar capitais próprios sempre que possível.

Pensa no imobiliário como qualquer outro investimento, ou seja, um investimento onde colocas dinheiro e obtens um retorno, similar ao que seria num depósito a prazo ou no investimento na bolsa de valores.

Os investimentos devem-nos trazer paz de espírito e não stress, por isso a dívida não é aconselhada, a não ser que tenhas um plano simples de a pagar. No meu caso, para o meu primeiro investimento imobiliário, como não tinha capitais próprios suficientes, pedi um empréstimo de curto prazo, o qual me obrigava a pagar um valor muito significativo por mês.  Obrigou-me a poupar em muitos outros itens durante o tempo em que paguei o empréstimo, mas valeu a pena, porque no final fiquei com investimento que me dá dinheiro mensalmente e muito pouco trabalho.

Ficas-te com vontade de começar a poupar para investires em imobiliário? Se tiveres dúvidas ou questões escreve nos comentários ou entra em contacto comigo em privado!

Com mais de 18 anos de experiência na área da Compra e Venda de Casas ou apartamentos e dos investimentos imobiliários, Sérgio Gave Fraga poderá acompanhá-lo (a) na compra ou venda da sua casa ou apartamento.

Estamos ao seu dispor para qualquer vertente em processos de bens imobiliários!

Shape
Shape

Perguntas

Estamos aqui para ajudá-lo com qualquer dúvida que possa ter

Quer comprar ou vender a sua casa em Portugal?

Então…escolha o parceiro certo!

A nossa estrutura é composta por um grupo de investidores da área dos investimentos imobiliários, experientes e motivados para vos oferecer uma solução para a compra venda de imóveis.
A nossa estrutura não tem intermediários, mas sim, atuamos de forma direta, de maneira a efetivarmos a venda do seu imóvel em menos num espaço de tempo curto.
Descreva-nos o seu imóvel de maneira a lhe fazermos uma proposta em 36 horas!

Para além destas áreas, dispomos de um Serviço Jurídico exclusivo para os nossos clientes e investidores, liderado pelo Advogado Sérgio Gave Fraga, com mais de 18 anos de experiência no ramo dos investimentos imobiliários, e advogado do imobiliário. Podendo por isso prestar aos nossos clientes particulares ou empresas um serviço de aconselhamento e acompanhamento personalizado e independente, com Soluções ao nível da compra e venda.

É indispensável ter do seu lado um Advogado de Negócios com mais de 18 anos de experiência no ramo dos investimentos Imobiliários (compra ou venda de casa ou terrenos e investimentos), que irá, com certeza, aconselhá-lo(a) e acompanhá-lo(a) nos momentos mais importantes como é comprar/vender uma casa/terreno, ou até, aconselhá-lo(a) a investir em imóveis para rentabilização.

Sérgio Fraga invest é uma Marca Nacional com o n.º 488908, desde o 28/12/2011, registada nas áreas da Compra e Venda de imóveis, investimentos imobiliários, Construção, remodelação de habitações e Administração de imóveis.
Trata-se de uma estrutura familiar, composta pelo sócio maioritário, o advogado e empresário Sérgio Gave Fraga com mais de 18 anos de experiência nos investimentos imobiliários, pela Melanie Fraga (filha), Sérgio Fraga (filho) e Roberto Martins (genro), dedicados e disponíveis para vos ajudar na realização dos vossos sonhos e concretização dos vossos objetivos.
para além destes elementos dedicados e em estreita proximidade e com acompanhamento personalizado, a nossa estrutura é composta por um grupo investidores da área dos investimentos imobiliários, experientes e motivados para vos oferecer uma solução rápida e eficaz para a venda do se imóvel.
A nossa estrutura não tem intermediários, mas sim, atuamos de forma direta, de maneira a efetivarmos a venda do seu imóvel num espaço de tempo curto.

Contacte-nos

Estamos aqui para ajudar!

Subscrever newsletter

Subscreva e mantenha-se actualizado.
French FR Portuguese PT